quinta-feira, 13 de setembro de 2007

Pássaro livre

Sou um pássaro... Voo livre pelo céu, como se o mundo fosse todo meu! Olho por baixo de mim e vejo, aquilo que um dia fui, quando eu ainda n sentia que o mundo era meu... Quando um pedaço de terra era suficiente... Quando me chegava dizer que aquele espaço era meu, quando me contentava com pouco... Agora ando livre, sem saber para onde ir, mas podendo ir para qualquer lugar... Tenho o mundo á minha frente, á espera que o descubra, á espera que me aventure e sinta o que de melhor existe na vida... Voar... Uma sensação única e indiscritivel. Eu poderia estar aqui dois dias a dizer o que sinto agora, neste momento, que ninguém iria entender... É tão... especial, tão diferente... Sinto-me leve, como se tudo o que me magoa, tudo o que me chateia, irrita, tivesse desaparecido! Sou feliz ao sabor do vento, ao sabor do tempo! Nada é... Tudo foi e eu sou apenas o que sonhei ser!! Sou o que sempre desejei ser... Perco-me com o mundo que tenho por descobrir e não percebo que me sinto cansada. Cansada de voar, cansada de descobrir coisas novas... Vou perdendo as forças...

Acordei! Apenas sonhei que um dia eu tinha o mundo aos meus pés! Mas agora que eu sei o que é muito, já não me consigo contentar com o que é pouco!

Beijos*

1 comentário:

vera disse...

Nunca te contentes com o pouco, sonha sempre...
o sonho comanda a vida... e a vida, essa nao espera por nós...
Adoro_te