domingo, 7 de fevereiro de 2010

A ti...

Falta-me o ar,
cada vez que cruzo o teu olhar...
Sinto um aperto no coração,
Uma vontade de pegar na tua mão
e fugir para o outro lado do mar,
para longe de tudo o que te faz duvidar...
Mas bem sei, fugir não é solução,
Resigno-me portanto a viver na ilusão...!

Um dia, quem sabe, chegarás a compreender,
que não é apenas por ser...
Que tudo o que estou a sentir
é o que me impede de desistir...

1 comentário:

Nuno Medon disse...

olá! espero que um dia vivas isso, com o teu Amado. mereces ser feliz e és uma boa rapariga, com bom coração e romântica. Lindas palavras, que te saíram do coração. beijos