sábado, 6 de janeiro de 2007

Uma parede pintada de branco

O que é uma parede pintada de branco? E se a pintarmos de outra cor terá um significado diferente? As paredes do meu quarto estão pintadas de branco... Dizem que o branco significa paz, tranquilidade... E realmente no meu quarto eu encontro essa paz. Não é o meu sitio preferido para ficar em paz, mas quando não tenho outro, é o melhor! Se aquelas paredes sentissem aquilo que eu sinto muitas vezes que entro naquele quarto, talvez já tivessem mudado de cor par preto ou outra côr qualquer que transmitisse tudo menos paz! Mas o meu quarto deveria ter as paredes pintadas de vermelho, amarelo, azul e verde! uma parede de cada côr! Para transmitir a alegria com que eu vivo todos os dias, mesmo estando muito triste por dentro, a roer-me toda, com vontade de explodir... E nessas alturas eu sei que ao entrar lá ficaria logo com outro ánimo! Mas não posso fazer isso!! Vai contra o gosto da minha mãe! Mas quando tiver a minha casa, hei-de ter um espaçinho assim, só para me refugiar do mundo ou para refugiar o mundo do mundo! Lá estou eu com as minhas filosofias! Eu ás vezes não me compreendo... Eu estou a tirar o curso de matemática, que é uma ciência objectiva... Ou é ou não é! Mas ao mesmo tempo, e já no secundário, uma das minhas disciplinas preferidas era Filosofia! São as duas opostas, completamente! Eu adoro divagar, e perder-me no raciocinio, dizer tudo sem dizer nada... Mas ao mesmo tempo, o meu curso obriga-me a não ser assim... Mas ás vezes é mais forte do que eu e nas minhas respostas, que têm de ser claras e objectivas, eu divago imenso! Já o meu professor de português me dizia isso!! Acho que devia ter ido para filósofa!! Dava era em maluca!! Mas também qual das duas a melhor?? Filósofa ou Matemática?!! Também dou em maluca!!
Esta conversa toda começou por causa de uma parede pintada de branco... E chegámos aqui! Se continuasse iamos parar á China!

Vou deixar as minhas filosofias para quem precisa de as ouvir!! Não vou divagar mais!
Beijinhos para todos*

3 comentários:

Anónimo disse...

Muito mais importante sim, é a côr da nossa alma, dos nossos pensamentos, infelizmente ou felizmente, (prefiro a segunda), a vida não é perfeita e nós também não o somos, aliás nada é perfeito, o que não implica que não procuremos atingir a perfeição, isso faz com que nos leve á evolução.
Viver não é fácil, é uma experiência que também nos traz muitos dissabores, mas pensa comigo, se tudo fosse fácil e perfeito, sem ser preciso esforço, trabalho, dedicação, empenho, mais profundo ainda, sem sofrimento, sem amor, sem ter que lutar por todos os nossos objectivos e ideais. O que éramos nós? Que tipo de pessoas seriamos? Quais os nossos valores morais? Quais os nossos pensamentos? Será que saberiamos o significado das palavras, amar, compreender, perdoar, pensar, lutar, ajudar? Qual a razão da nossa existência? Será que a nossa especíe existiria? E agora o que podemos concluir de todas estas questões? Podemos concluir que são etapas e fases necessárias na nossa vida pelas quais, eu, tu e todos temos de passar e ultrapassar, por muito que ás vezes nos custe, tudo isto é normal e tem de existir, faz parte da experiência viver, crescer, aprender.
Por isso, mesmo que hoje estejas triste e até com alguma raiva por dentro, é apenas pelo simples facto de seres alguém com sentimentos e emoções. Tens uma alma colorida, disso não tenho eu duvida, logo tens de continuar em frente de cabeça erguida, pois o que te levou ou quem te levou a despertar tais sentimentos e emoções não merece tal atenção.

Susy disse...

Se voltares aqui e vires este comentário, era só para dizer que gostei muito do que disseste! Obrigado! :D Mas fiquei curiosa por saber quem és!?! Beijinhos*

Anónimo disse...

Comentario qual comentario, voltar, voltar pra quê? ahahahahahahhahahaha olha vou-te contar uma anedota, quer dizer vou tentar, mas digo-te te já k não tenho jeito nenhum e ainda pra mais não me lembro do final... lol k cromo...